Aos pés da cruz.

Todos conhecemos bem a história de Cristo. A sua morte. Sabemos o que se passou no calvário. Ele morreu por nós e por nossos pecados. Pelos que cometemos e cometeremos a vida toda. Tomou sobre si cada erro, cada tropeço. Sofreu por cada um deles para que nós não sofrêssemos mais. E por que mesmo diante disso, não conseguimos perdoar a nós mesmos? E por que não procuramos a ajuda do Pai? Vergonha, talvez? Conversamos com Deus todos os dias (pelo menos espero que façam isso) mas não compartilhamos com ele aquele probleminha. Talvez por que seja pequeno, ou até grande demais. Mas Deus é maior que isso. Ele nos perdoa todos os dias, por que não perdoaria muito o mais?
Madeline encontrava-se sozinha, sentada no chão enrolada a um cobertor tão sujo quanto estava aquela rua que normalmente vivia cheia de gente, mas naquela hora não. Era noite fria de natal. Seu pai sempre lhe mandava cartas, e ela sabia que ele a queria de volta. Mas ela mesma não se perdoava por tudo o que havia  feito. Já encontrou-se na mesma situação que Madeline? Sabia que o Pai o perdoaria mas sua vergonha ou que quer que seja te impediu de voltar-se para Ele? Madeline sabia bem. Ainda sozinha ali, enquanto milhares de famílias jantavam, dançavam e aproveitavam juntas a noite de natal, ela lembrou-se de seu pai. Tudo o que ele havia feito por ela, mesmo com vergonha, e com todo aquele frio até dentro de si mesma, ela voltou para casa onde foi recebida por um banquete por seu pai. Quando Madeline se arrependeu e a si mesma se perdoou, seu pai também a perdoou. OU seja, quando confessarmos nossos pecados a Deus, Ele também nos perdoará. Mas a pergunta é: O que temos deixado aos pés da cruz? Sabemos que Cristo deixou o seu perdão, e o seu amor. E o seu sangue. E nós não somos capazes de deixar nossos erros? nossos pecados? vergonhas e orgulhos? desejos? Os nossos mau hábitos? Cada deslize, Ele quer cada um. E por quê? Por que Ele sabe que não podemos viver com eles. Por que com o seu sacrifício Ele nos perdoou de tudo. Deixemos tudo o que nos perturba, machuca, preocupa, e tenta nos afastar dEle. Não conseguiremos caminhar com a cruz nas costas, mas Cristo quer levá-la por nós. Deus nos abençoe! Meditem em: Rm 8:32, 1Jo 1:9, Nm 14:18,  Sl 32:1.
Anúncios

Se Deus falou com você, deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s